Quer conhecer os meus livros e ver alguns vídeos do meu trabalho? Continue nesta página.

Para outras informações e para receber notícias fresquinhas, acesse os links abaixo e siga-me nas redes:

LIVROS e vídeos

Como escritor, lancei quatorze livros infantis pelas editoras: Cortez, Paulinas, Universo da Literatura, Universo dos Livros, Mazza, Franco, Nova Alexandria, IMEPH e Elementar, dois deles selecionados pelo MEC para o PNBE (2012 e 2014), tendo ainda um título premiado com o Selo Seleção Cátedra 10 (2017) da Cátedra de Leitura Unesco/Puc-Rio e outro selecionado pelo jornal Estadão como um dos melhores livros infantis de 2010. Tenho ainda seis livros técnicos pelas editoras Vozes e Cortez, um dos quais concorreu ao prêmio Jabuti (2014). Publiquei capítulos em outros nove livros de cunho acadêmico. Veja abaixo os livros e os vídeos com resenhas dos meus livros, participações em entrevistas e mesas, no documentário "Histórias" de Paulo Siqueira, na série "Vou te Contar" do Canal Futura e no programa "Comentário Geral" da TV Brasil, além de apresentações artísticas e gravações de histórias publicadas.

CAleidoscópio do contador de histórias

Escritos poético-lúdico-reflexivos sobre o ofício de contar histórias. Publiquei em 2018, pela Editora IMEPH, em coautoria com Lenice Gomes e Giba Pedroza. Ilustrações de Luciano Tasso.

AMORES EM ÁFRICA

Publiquei o conto "O casamento de Kintu com Nambi, a filha de Gulu, o rei do Céu", no livro Amores em África, organizado por Lenice Gomes, ilustrado por Denise Nascimento, publicado pela Editora Paulinas em 2017, e que em 2018recebeu o Selo de Distinção Cátedra 10, da Cátedra UNESCO de Leitura PUC-Rio.

o segredo do curupira

No livro, publicado em 2015 pela Mazza Edições, defendo a valorização dos saberes tradicionais. No conto, o segredo guardado pelo Curupira faz nascer o justo diálogo entre a ciência e os saberes dos povos da floresta. Ilustrado por Thiago Amormino.

a misteriosa batucada de letras da casa do meu tio

A partir de vivências de minha infância na casa do meu tio telegrafista Ailmer, presto homenagem aos telegrafistas, profissionais que sabiam o Código Morse e possibilitavam a comunicação rápida entre lugares distantes. Ilustrado por Mirella Spinelli. Editora IMEPH.

O passeio dos olhos pelo mangue

Uma lenda indígena presente em nações do Norte do Brasil. Nesse enredo instigante trago como personagens o Caranguejo, a Onça, o Pai do Peixe Traíra devorador de olhos, e o Gavião-Real sabedor dos segredos das plantas e das alturas. Ilustrado por Márcia Széliga e publicado pela IMEPH. 

O uso de textos na alfabetização: formação inicial e continuada

Nesse livro reúno apresento fundamentação teórica e propostas práticas de alfabetização com textos de diversos gêneros textuais, visando contribuir com a formação inicial e continuada do professor. Editora Vozes.

a bola do mundo é nossa

Se você se encanta com a trajetória da bola em campo, vai gostar de passear comigo pela China, pela Inglaterra, pela Amazônia brasileira e pela Angola da Rainha Ginga para juntos esmiuçarmos a história da bola de futebol. Publicado em 2014 pela Mazza Edições, ilustrado porThiago Amormino.

Nesse gracioso livro com três lendas de amor indígenas publicado em coautoria com Lenice Gomes e Severino Rodrigues, desfio a bela história "Noite, um presente de amor". Ilustrado por Laerte Silvino e publicado em 2014 pela Editora Elementar.

amores indígenas
alfabetizar letrando com a literatura infantil

Escrevi em coautoria com Fábio Cardoso dos Santos. Nele mesclamos teoria e prátia e apresentamos sugestões de atividades de letramento literário para crianças em processo de alfabetização. Publicado pela Cortez Editora em 2013, o livro concorreu ao Prêmio Jabuti 2014 na categoria Educação.

alfabetizar letrando com a tradição oral

Nesse livro, eu e Lenice Gomes fundamentamos propostas para o professor alfabetizar letrando com os seguintes gêneros da tradição oral: provérbios, fábulas, parlendas, cantigas, quadrinhas, mitos, adivinhas, lendas e contos tradicionais. Publicado em 2013 pela Cortez Editora.

alfabetizar letrando na biblioteca escolar

Nesse livro publicado em 2013 pela Cortez Editora em coautoria com Eduardo Valadares e Marcela Mendonça Amorim, tomamos por foco a proposta de alfabetizar letrando na biblioteca escolar e nas salas de leitura e propomos atividades com os diversos gêneros textuais. 

a vendedora de chicletes

Por meio de uma releitura do conto "A vendedora de fósforos", de Hans Christian Andersen, questiono a triste realidade de muitas crianças brasileiras. Publicado em 2013 pela Universo da Literatura, com ilustrações de Cláudio Cambra, o livro foi selecionado pelo Ministério da Cultura (MEC) para o Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE-2014).

plof

Nesse divertido conto acumulativo tradicional provindo da cultura tibetana, apresentouma boa oportunidade de reflexão sobre o poder das ilusões e do medo. Publicado pela Universo dos Livros no ano de 2013, com ilustrações de Alessandro Von Helde.

contar histórias: a arte de brincar com as palavras

Publiquei esse livro em 2012 pela Editora Vozes com técnicas para escolher, memorizar, preparar e contar histórias. O livro nasceu do curso "Contando com arte", com 8 meses de duração, que ministrei por anos seguidos em Vitória-ES.

a arte de encantar: o contador de histórias contemporâneo e seus olhares

Ao organizarmos esse livro, eu e Lenice buscamos reunir várias perspectivas sobre arte de contar histórias. Com ilustrações de Tati Móes, publicado pela Cortez Editora em 2013, ele traz artigos de Eliana Yunes, Gilka Girardello, Gislayne Avelar Matos, Celso Sisto, Maurício Leite, Alice Bandini, Francisco Gregório Filho, Boniface Ofogo Nkama (Camarões), Elvia Pérez (Cuba), Carles García (Espanha), Rafo Díaz (Peru) e de nós dois.

o homem que escrevia ao contrário

Nesse livro querido com memórias da minha infância, conto a história do meu pai, que guardava em gavetas letras feitas de chumbo de todos os tipos e que escrevia ao contrário. Ele, na verdade, era um tipógrafo, profissão quase extinta com o advento da tecnologia nos meios de impressão. Publicado pela Editora Paulinas, em2011, com Ilustrações de Fê. 

meu querido diário

Mais um livro querido. Nele, eu e minha mãe contamos a história de Yayá, uma menina muito viva que registra suas lembranças da escola num belo diário. Ricamente ilustrado com arte de Jeasir Rego a partir dos bordados da própria Yayá (minha mãe Yedda de Oliveira Moraes), foi publicado pela Editora Nova Alexandria em 2010. Um retrato sensível da infância.

histórias de quem conta histórias

Nesse livro, eu e Lenice Gomes reunimos quinze contos e lendas da autoria dos narradores: Regina Machado, Gislayne Matos, Clara Haddad, Benita Prieto, Lúcia Fidalgo, Cléo Busatto, Giba Pedroza, Celso Sisto, Walter Moreira Santos, Glauter Barros, Cynthia Costa, Marcela Romero García (México), além dos nossos. As encantadoras ilustrações são de Ciça Fittipaldi,

Lançado pela Cortez Editora em 2010, em dezembro de 2010 foi considerado pelo jornal O Estado de São Paulo um dos 50 melhores lançamentos infantis do ano de 2010. Em 2011 foi selecionado: pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) para a 48ª Feira do Livro Infantil de Bolonha (Bologna Children’s Book Fair), pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) para a Feira do Livro de Frankfurt de 2011 (2011 Frankfurt Book Fair) e pelo Ministério da Cultura (MEC) para o Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE-2012).

o menino e a atiradeira

Em 2007, publiquei pela Franco Editora o meu primeiro livro . Com caráter ecológico e autobiográfico, nele narro a história de um menino que tem de decidir entre agir como os outros para ser aceito pelo grupo ou respeitar a vida, desde as suas mais simples manifestações. Surgiu como uma crônica, que foi destaque no 4º Concurso Rubem Braga de Crônicas, em 2001.

Comissão de Cultura - Câmara Federal dos Deputados

Apresento em Plenária na Sessão Pública da Comissão de Cultura da Câmara Federal dos Deputados, em Brasília, a minha falaem defesa do Projeto de Lei de criação da Semana Nacional dos Contadores de Histórias. Outubro de 2015.

Entrevista à Revista Educação

Nessa entrevista à Revista Educação - São Paulo (2015), abordo o letramento lúdico e o aspecto lúdico da linguagem presente em textos da tradição oral brasileira.

Quintal da Cultura - TV Cultura

Achei o máximo ver a Doroteia e o Ludovico discutindo para ver quem lia primeiro o nosso livro "Histórias de quem Conta Histórias" no quadro Biblioteca do Quintal do Programa Quintal da Cultura (TV Cultura-SP).  Exibido em 1º de janeiro de 2015.

RODRIGO DE BRITOS INDICA "o HOMEM QUE ESCREVIA AO CONTRÁRIO"

Entre os 6 livros sobre paternidade que todo pai deveria ler, indicados por Rodrigo de Britos, está o meu livro "O homem que escrevia ao contrário", ilustrado por Fê e publicado pelas Paulinas. Vale a pena conferir o vídeo, conhecer as dicas literárias do Rodrigo e inscrever-se no canal.

Comentário Geral - TV Brasil 

Participei como um dos convidados do programa Comentário Geral da TV Brasil, exibido em 21 de março de 2012, que teve como tema a palavra Vermelho. Nele falo brevemente do tema de pesquisa do meu Mestrado em Linguística: Chapeuzinho Vermelho. 
Apresentação: Luiza Sarmento

Documentário "Histórias"

Fui um dos narradores convidados para participar do documentário Histórias, filme sobre o narrador e o ato de contar histórias. Com narradores de Brasil, Espanha, Gana e Camarões, falantes de cinco diferentes idiomas, o filme foi lançado no Cine Odeon (Rio) em 2006 eexibido em festivais e eventos de vários estados do Brasil e de outros países. Roteiro: Márcio Allemand. Produção: Benita Prieto. Direção: Paulo Siqueira. Ópera Prima Produções/SESC-Rio.

Vou te Contar - Futura - Pé Redondo

Participei de alguns episódios da Série Vou te Contar do Canal Futura (2008). Em minha adolescência, escutei inúmeros relatos sobre a presença do pé-de-garrafa, pé-de-boi ou pé redondo nos bailões de Cachoeiro de Itapemirim-ES. As histórias ganharam tanta repercussão que na época foram narradas pelas testemunhas nos noticiários da principal rádio FM da cidade.
Produção: Plano Geral
Apresentação: Fernando Alves Pinto

Vou te Contar - FUTURA - mULHER DE BRANCO

Nesse episódio da Série Vou te Contar do Canal Futura (2008), narro uma lenda que escutei quando criança em Cachoeiro de Itapemirim-ES. Diz respeito a uma sepultura acorrentada que ficava na entrada do cemitério da cidade, e que mesmo com medo, eu e os meus colegas insistíamos em passar por lá para espiar.
Produção: Plano Geral
Apresentação: Fernando Alves Pinto

Vou te Contar - FUTURA - PÁSSARO DE FOGO

Conto nesse episódio da Série Vou te Contar do Canal Futura (2008) uma lenda registrada por Maria Stella de Novaes no livro "Lendas Capixabas", publicado pela FTD (p. 69-70) e alguns relatos orais que escutei pelas bandas do Mestre Álvaro (Serra-ES).
Produção: Plano Geral 
Apresentação: Fernando Alves Pinto

Um dedo de prosa - TV Assembleia-ES

Nessa entrevista, exibida pela TV Assembleia-ES no início da minha carreira como escritor, falo um pouco dos meus primeiros livros para para crianças e jovens. Gravada em 31/07/2012.
Entrevistadora: Gabriela Zorzal

José Xavier Cortez (Cortez Editora)

Que alegria foi receber em Vitória o Editor José Xavier Cortez (Diretor-Presidente da Cortez Editora) e mediar o Café Literário SESC-ES "A leitura, o livro e o editor" no auditório da Secretaria de Educação da Prefeitura de Vitória (ES) em 18/09/2012.
Convidado: José Xavier Cortez
Mediador: Fabiano Moraes
Realização: SESC-ES e SEME-PMV

Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do ES - 2011

Apresentei o livro "Histórias de quem conta histórias" na Reunião da Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do Espírito Santo, em 9 de maio de 2011, presidida pela Exma. Sra. Deputada Luzia Toledo e pelo Exmo Sr. Deputado Cláudio Vereza.
Créditos: TV Assembleia

CONTA BRASIL SESC COPACABANA - HISTÓRIAS

Como Diretor de Comunicação do Instituto Conta Brasil contei histórias ao lado de Rosana Mont'Alverne, Benita Prieto, Almir Mota, Zé Bocca e Glauter Barros (também membros da diretoria do Instituto) no Simpósio Internacional de Contadores de Histórias, realizado no SESC Copacabana em agosto de 2009. Jujuba e Ana Nogueira fizeram nos apresentaram lindamente.

conta brasil - sesc copacabana - APRESENTAÇÃO

Eu, Rosana Mont'Alverne, Benita Prieto, Almir Mota, Zé Bocca e Glauter Barros, diretores do Instituto Conta Brasil, fomos anunciados por Jujuba e Ana Nogueira para iniciarmos a nossa apresentação no Teatro de Arena do SESC Copacabana, na ocasião do Simpósio Internacional de Contadores de Histórias de 2009.

A menina e o anjo - Viagem pela Literatura

Versão curta (em áudio) do conto "A menina e o anjo" de minha autoria, gravado no CD "Viagem pela Literatura: histórias infanto-juvenis" produzido pela "Biblioteca Municipalda Prefeitura de Vitória-ES". O conto foi publicado no livro "Contar histórias: a arte de brincar com as palavras" da Editora Vozes.

Os compadres corcundas - TJMG

Em maio de 2007 narrei o conto "Os compadres Corcundas" no meu Espetáculo "Histórias para Matutar", no teatro do TJMG em Belo Horizonte-MG, pelo projeto "Conto Sete em Ponto". O conto foi publicado pela Cortez Editora, em 2010, no livro "Histórias de quem conta histórias".

TV Tribuna - 2006

Nessa matéria da TV Tribuna sobre a Profissão Contador de Histórias, eu e Roberto de Freitas fomos entrevistados na ocasião da sua oficina no Espaço Tapete Mágico, em Vitória-ES. Exibição em 09/10/2006.

TVE - AVEDALMA - 2005

Matéria exibida na TVE sobre o projeto voluntário que coordenei de 2005 a 2007e que consistia em apresentações e coletas de histórias realizadas mensalmente no Lar de Idosos AVEDALMA.

TVE - 2004

Nessa matéria da TVE falo sobre o Curso "Contando com Arte", ministrado de 2003 a 2008 no Espaço Tapete Mágico, Vitória-ES, que posteriormente teve parte de seu conteúdo e de suas vivências publicadas no livro "Contar histórias: a arte de brincar com as palavras", pela Vozes.

TV Gazeta - Painel de Domingo - 2004

Ministrei o curso "Contando com Arte" de 2004 a 2007 no Espaço Tapete Mágico. Nessa matéria de 2004, exibida no Programa Painel de Domingo da TV Gazeta falo um pouco sobre o curso que virou livro pela Vozes: "Contar histórias: a arte de brincar com as palavras".

BIENAL RUBEM BRAGA - 2018

Eu e Mírian Moschen realizamos juntos, na Bienal Rubem Braga, uma mesa de conversa sobre o tema: “A arte de contar histórias: entre palavras e imagens”, também realizada n'A Casa Tombada, em São Paulo. Na mesa propusemos um diálogo entre a arte de contar histórias e a arte de criação imagética da designer, presente na Bienal na exposição de cartazes Cabide de Letras.

OFICINA BRINCANDO NA DIVERSIDADE -mINC

Em 2008 fui uma das 55 pessoas convidadas pelo Ministério da Cultura e pela Fundação Orsa para participar da "Oficina Brincando na Diversidade - Cultura na Infância" que teve por objetivo sistematizar informações e proposições dos participantes para a construção de uma política visando fortalecer e valorizar a identidade da infância no Brasil.

Valéria Mayer lê poema do caleidoscópio

"A escolha da história" é um trecho do belíssimo livro que eu, Lenice Gomes, Giba Pedrosa e o ilustrador Luciano Tasso tecemos a oito mãos: "Caleidoscópio do Contador de Histórias", publicado pela Editora IMEPH em 2018.

TV Gazeta - Tio telegrafista

Meu tio telegrafista Ailmer Gomes da Fonseca, homenageado no livro "A misteriosa batucada de letras da casa do meu tio" publicado pela Editora IMEPH é esse de camisa azul que aparece nessa matéria da TV Gazeta sobre a comunicação por telégrafo entre ele e o telegrafista Humberto (de camisa amarela).

Direitos autorais Fabiano Moraes